sexta-feira, março 10, 2006

Informações, ò se faz favor!

A Ordem dos Maçanenses Lúcidos e Inconformados avisa todos os seus membros, pagantes ou caloteiros, para a ausência de perigo de contágio com ideias absurdas de que a soberania da Aplle Nation foi beliscada pela tomada de posse de um novo presidente numa república não muito distante.
Reafirmamos a nossa independencia e garantimos que a tranquilidade democratica da ditadura da nossa Nação já desde o Verão se encontra assegurada graças à queima de todos os pinheiros, eucaliptos e silvas de má estirpe que de alguma maneira poderiam minar o nosso poder solene.
O MSM não saiu vencedor das eleições mas a verdade é que ninguém vota para ser maçanense porque tal nobreza nasce com os mais predistinados e o nosso poder não presta vassalagem a individuos estrangeiros mesmo que tenham apelido de filósofo ou de erva daninha.
Queremos apresentar também uma reclamaçao à entidade bancária (que futuramente será do Banco Maçanense do Juro Sem Fé) presente na nossa terra para que altere os ditos da voz que grita do multibanco, caso alguem não seja lesto a retirar algo(parece que dão tudo de má vontade), para "Toma lá dinheiro e paga uma mini a um maçanense" ou então "Com um saldo bancario desses nunca mais chegas a Coné".
Lançaremos o concurso publico a mais propostas de frases de elevado calibre durante o domingo de manhã no mercado mas ficam já avisados que caso alguma entidade bancaria tome a iniciativa de cobrar alguma taxa pelo uso do multibanco além dessas frases seremos forçados por essas entidades a acrescentar "Isto é um assalto, usas, pagas e não bufas porque o dinheiro é nosso" ou na versão inglesa "We eat your money suckers".